quarta-feira, 10 de maio de 2017

Células-tronco: Tratamentos no Esporte

Como vocês sabem, o desempenho dos atletas sempre é comprometido pelas constantes lesões físicas que eles sofrem. Estas lesões são frequentes e têm consequências a longo prazo na performance e na carreira do atleta! Então estes atletas estão sempre em busca de um tratamento que, além de ser eficaz, possa diminuir o tempo de afastamento do esporte. Com isso, uma nova área na medicina vem mostrando sucesso em acelerar a recuperação dos atletas: a medicina regenerativa.

Claro que a medicina regenerativa engloba várias técnicas e áreas. Mas a maior aposta é a utilização de células-tronco, principalmente as mesenquimais! Estas células, como já falamos anteriormente, podem ser aplicadas em uma variedade de terapias, e muitas delas são de interesse dos atletas: regeneração de ligamentos, tendões, lesões ósseas e cartilagem de joelho. Quem não conhece alguém com aquele probleminha no joelho? Por isso atletas de todo mundo, como os lutadores do UFC Luke Rockhold e Minotauro, o tenista Rafael Nadal e os jogadores de futebol Welington e Cristiano Ronaldo já estão antenados na novidade da medicina regenerativa e utilizaram células-tronco para seus tratamentos. Esta novidade está disponível em vários países e é realidade no tratamento de lesões esportivas. Vamos falar um pouco de cada caso? São muitos: as células-tronco podem ser utilizadas para diferentes lesões, em diferentes partes do corpo, por atletas de modalidades totalmente distintas!

Tênis

Um dos casos mais famosos no cenário esportivo é o de Rafael Nadal, que aplicou células tronco duas vezes para duas lesões diferentes. Da primeira ele fez um tratamento para melhorar de uma lesão no joelho. O sucesso foi tão grande que recentemente o tenista realizou outro tratamento com células-tronco para aliviar uma lesão que causava dor nas costas. As dores na região o atrapalharam durante grande parte da temporada. O procedimento é super simples e é realizado para acelerar a recuperação da cartilagem.

Futebol Americano e Basquetebol

Outro atleta famoso que passou por tratamento com células-tronco foi Peyton Manning, um dos melhores jogadores da história da Liga Nacional de Futebol Americano nos EUA (NFL).  Ele realizou um tratamento com células-tronco para a sua lesão no pescoço. O tratamento surtiu tamanho efeito, que mesmo com todos desacreditados, Manning voltou a atuar no futebol americano na mesma temporada 2014-2015.
Astros do basquete jogando na NBA, como Kobe Bryant e Paul Gasol, também já realizaram tratamentos com células-tronco para curar suas lesões no joelho e tendão, respectivamente.

MMA

Imagine no MMA onde as lesões são constantes? Dois atletas se beneficiaram do tratamento com células-tronco. Primeiro o brasileiro Rodrigo Minotauro que foi tratado em janeiro de 2016, em Kansas (EUA), e teve resultados muito positivos! O americano Luke Rockhold torceu o ligamento do joelho esquerdo poucos dias antes de fazer sua primeira e única defesa do cinturão dos pesos-médios do UFC. Para evitar cirurgia optou por realizar tratamento com células-tronco.

Futebol

No futebol, um dos melhores jogadores da atualidade, Cristiano Ronaldo submeteu-se a um tratamento com células-tronco de ultima hora como única opção, para poder atuar no jogo de volta da semifinal da Liga dos Campeões, no ano passado. Foi um sucesso!!

Esportes Radicais



Finalmente o caso mais extremo! A brasileira Laís Souza que em abril de 2014, durante os treinos com esqui em Salt Lake City (EUA), sofreu uma queda e se chocou contra uma árvore, acidente que ocasionou uma grave lesão na vértebra (C3), da coluna cervical, e um deslocamento e compressão das demais localizadas abaixo afetando sua medula espinhal. A lesão que a deixou sem movimentos de braços e pernas foi considerada irreversível pelos especialistas, já que o tecido neurológico tem capacidade mínima de auto-regeneração.

A atleta realizou um tratamento experimental com células-tronco no Miami Project to Cure Paralysis, nos Estados Unidos. Como a lesão é grande, a resposta da brasileira é lenta, contudo mostrou-se eficiente. Atualmente, Laís esteve em uma consulta com o médico Barth Green e ouviu dele a informação de que existe a possibilidade de poder voltar a andar novamente, o que não era esperado em seu caso. As células-tronco foram a peça chave para que ela tivesse esperança de voltar a andar!!

Todos estes casos mostram a eficiência do uso de células-tronco! E dão mais motivos para pensarmos no futuro e guardar estas células ainda jovens! A maioria destes tratamentos ainda estão em fase experimental (no Brasil), e por isso não podem ser cobrados. A StemCorp está envolvida em diferentes testes clínicos, incluindo um que visa a regeneração da cartilagem do joelho. O importante agora é armazenar as suas células-tronco mesenquimais para serem utilizadas em caso de uma lesão. Uma vez que no futuro próximo estes procedimentos poderão ser realizados como rotina e suas células-tronco estarão prontas para serem utilizadas! Ter suas células-tronco guardadas ainda jovens pode ser a diferença na hora do tratamento!


sexta-feira, 28 de abril de 2017

Surfista Miguel Pupo guarda células-tronco do cordão umbilical de sua filha na StemCorp


Durante a etapa de Bells Beach da elite do surf mundial, o paulista Miguel Pupo teve um excelente noticia. Longe dali, na Ilha Bela, Bruna Tied namorada do surfista, dava à luz Luna, primeira filha do brasileiro, de 25 anos.

Pensando no futuro de sua filha, Miguel e Bruna resolveram guardar as células-tronco mesenquimais cordão umbilical Luna na StemCorp. Em nosso corpo há células-tronco em diversos lugares, como na medula óssea, gordura e polpa dentária. Entretanto, as células-tronco do cordão umbilical são consideradas zero-quilômetro, ou seja, não sofreram com estresse, medicamentos ou poluição do mundo exterior. E a única oportunidade de guardar estas células é na hora do parto, então não dava para perder essa oportunidade.

Atualmente muitas doenças tem potencial de serem tratadas com células-tronco. Entre elas, destacam-se: doença do enxerto versus hospedeiro, diabetes, doença de Crohn, osteoartrite, queimaduras entre inúmeras outras. Além disso, muitas estão em fase de estudos apresentando resultados promissores.

Miguel Pupo e Bruna Tied fizeram o que muitos pais fazem todos os dias: pensaram no futuro do seu bebê. Guardando células-tronco eles garantes que, se preciso, as células dos seus filhos estarão prontas para serem utilizadas.

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Spray com células-tronco para curar queimaduras já é realidade

Nós já falamos no nosso blog sobre o spray de células-tronco!!!

O dispositivo é basicamente uma pistola spray que borrifa células-tronco diretamente na pele com queimadura. Este método usa a capacidade do seu corpo para regenerar, juntamente com as células-tronco, a pele totalmente funcional. Recentemente os primeiros casos que utilizaram o spray foram publicados em uma revista internacional. Lembram do primeiro caso ficou famoso? Vejam no vídeo do nosso post anterior. Foi um policial estadual da Pensilvânia, Matt Uram, que sofreu queimaduras após tentar acender uma fogueira com gasolina. Cinco dias após o acidente, os médicos criaram uma uma suspensão líquida de suas células-tronco que foram pulverizadas na área queimada. Três dias depois, quando chegou a hora de remover as bandagens, o médico ficou espantado com o que viu. As queimaduras foram quase completamente curadas, e qualquer risco de infecção ou cicatrizes tinha desaparecido.


O novo estudo, publicado no jornal científico Burns, descreveu como o novo método regenera a pele de uma maneira eficaz. A técnica reduz o tempo de cicatrização e minimiza complicações com resultados estéticos e funcionalmente muito superiores que as técnicas atuais. No novo teste, dezenas de vítimas de queimaduras na Alemanha e nos EUA foram tratadas com sucesso com o spray e mostrou ótimos resultados.

O resultado deste spray depende da qualidade das células-tronco que são utilizadas. Quanto mais jovens as células, maior o potencial. Um paciente que tenha as células guardadas poderá utilizar células jovens e ainda fazer o uso da técnica imediatamente, não dependendo de ter áreas doadoras ou da realização de outra cirurgia. Por isso é tão importante armazenar suas células-tronco, esta é a única maneira de ter suas células quanto você precisar!!